Musical “Elza” inicia temporada em São Paulo

A partir do dia 20 de junho, o musical “Elza”, que conta a trajetória da cantora Elza Soares, fará uma nova temporada na capital paulista, no Teatro Sérgio Cardoso. O espetáculo é vencedor de 10 prêmios, entre eles: Prêmio Shell de melhor música; Prêmio Reverência nas categorias Melhor Espetáculo, Melhor Direção, Melhor Autor e Especial; e Prêmio APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) de Melhor Dramaturgia.

Em cena, atrizes se dividem ao viver Elza Soares em suas mais diversas fases e interpretam outros personagens, como os familiares e amigos da cantora, além de personalidades marcantes, como Ary Barroso (1903-1964), apresentador do programa onde ela se apresentou pela primeira vez, e Garrincha (1933-1983), com quem teve um relacionamento.

Apesar de diversos momentos conhecidos da vida da artista, a estrutura de “Elza” foge do formato convencional das biografias musicais, deixando de lado a ordem cronológica dos fatos. Um exemplo está nas várias versões da Elza que se apresentam juntas no palco e as músicas mais recentes, como “A Mulher do Fim do Mundo”, que se misturam com os sucessos das mais de seis décadas da carreira da cantora.

Este slideshow necessita de JavaScript.

“A Elza me disse: ‘sou muito alegre, viva, debochada. Não vai me fazer um musical triste, tem que ter alegria’. Isso foi ótimo, achei importante fazer o espetáculo a partir deste encontro, pois assim me deu base para saber como Elza se via e como ela gostaria de ser retratada”, conta Vinicius Calderoni, autor do texto, que também pesquisou a obra de pensadoras negras, como Angela Davis e Conceição Evaristo, para compor o material.

O espetáculo foi desenvolvido ao longo de um período em que Elza se encontra no auge de uma carreira marcada por reviravoltas e renascimentos. Ao lançar seus últimos dois discos, “A Mulher do Fim do Mundo” (2015) e “Deus é Mulher” (2018), a cantora não somente ampliou ainda mais seu repertório e sua base de fãs, como conquistou a crítica internacional, e se consolidou como uma das principais vozes da mulher negra brasileira.

FICHA TÉCNICA

Elenco: Janamô, Júlia Tizumba, Késia Estácio, Khrystal, Laís Lacôrte, Verônica Bonfim e a atriz convidada Larissa Luz.
Direção: Duda Maia
Texto: Vinícius Calderoni
Direção Musical: Pedro Luís, Larissa Luz e Antônia Adnet
Arranjos: Letieres Leite
Idealização e Direção de Produção: Andréa Alves

Elza – Musical 

Local: Teatro Sergio Cardoso – Rua Rui Barbosa, 153, Bela Vista
Temporada: 20 de junho a 14 de julho 2019 (exceto nos dias 04 e 05 de julho)
Quando: quinta a sábado, às 20h; e domingos, às 17h

Ingressos:

Quinta-feira (sessões populares)

Plateia VIP: R$80,00 (inteira) / R$40,00 (meia)
Plateia: R$60,00 (inteira) / R$30,00 (meia)
Balcão: R$30,00 (inteira) / R$15,00 (meia)

Sexta-feira e domingo:

Plateia VIP: R$120 (inteira) e R$60 (meia)
Plateia: R$100 (inteira) e R$50 (meia)
Balcão: R$50 (inteira) e R$25 (meia)

Sábado:

Plateia VIP: R$150 (inteira) e R$75 (meia)
Plateia: R$120 (inteira) e R$60 (meia)
Balcão: R$70 (inteira) e R$35 (meia)

Classificação etária: 14 anos.
Duração: 140 minutos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s