Ondas Gravitacionais que comprovam a Teoria da Relatividade são detectadas pela terceira vez

O choque entre dois buracos negros – com massa três vezes maior que o sol – a distorção do espaço tempo e a comprovação de uma teoria centenária podem até parecer o início de uma história intergalática, mas tratam-se de uma das principais descobertas científicas do século que altera completamente o rumo da astronomia atual. A comprovação da existência de Ondas Gravitacionais foi realizada pelo LIGO (Observatório de Ondas Gravitacionais por Interferômetro a Laser), que em menos de dois anos já detectou três ondulações.

Há mais de um século, Albert Einstein desenvolveu a Teoria Geral da Relatividade (TRG), ao afirmar que a gravidade é uma força de atração que age distorcendo o espaço/tempo e que modela o universo. Esta teoria foi comprovada através da captura de ondas gravitacionais, que são vibrações ocasionadas pela interação de objetos maciços (como dois buracos negros), e que podem modificar a distância entre os planetas (espaço/tempo), seja em aceleração ou distância, através de ondas magnéticas que geram luminosidade.

Esta luminosidade visualizada por pesquisadores do projeto LIGO (pronuncia-se ‘laigo’), através do ‘interferômetro a laser’, detectou padrões de interferência – em uma explicação simples, são como espelhos alinhados, em que feixes de luz refletem um no outro, caso exista alguma diferença entre a posição dos espelhos as luzes não coincidem perfeitamente – assim são captadas as ondas.

“Esta é a primeira observação direta de buracos negros no processo de fusão, além de ser a primeira detecção de ondas gravitacionais, provando que eles também existem e com altas massas”, comenta o astrofísico César Augusto Costa, que colabora com o LIGO na Divisão de Astrofísica do INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), em São José dos Campos.

De acordo com o astrofísico, o LIGO é a régua mais precisa já construída pela humanidade e a descoberta é um marco para a ciência contemporânea, o que pode ser comparado a quando Galileu aperfeiçoou o telescópio e apontou para outros planetas para observá-los.

Você pode conferir a explicação no vídeo:

vídeo demonstra a interação entre cristais de interferômetro

 

A dança entre dois buracos negros / Foto: reprodução

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s