Rede social para cinéfilos, Letterboxd ganha usuários no Brasil

Cinéfilos costumam ser pessoas com mania de organização, pelo menos quando o assunto em pauta são seus filmes preferidos. Pergunte a um fã de cinema qual o seu Top Five de filmes prediletos ou quais são os diretores de quem mais gosta e provavelmente terá uma resposta na lata, sem nenhuma titubeação. É também muito provável que ele carregue consigo uma lista escrita à mão dos filmes que deseja assistir.

Se depender do site neozelandês Letterboxd, essa organização, antes feita de maneira totalmente manual, se tornará 100% digital. A rede social de filmes, lançada em abril de 2012, é ideal para fãs de cinema que querem criar um diário com todos os filmes que assistem ou uma lista de filmes para assistir no futuro. Com praticidade e visual elegante e simples, o Letterboxd tem todas as características essenciais a uma rede social. Nele, você pode criar seu perfil e seguir seus amigos, vendo o que eles têm assistindo ultimamente.

Os primeiros passos depois de criar seu perfil e seguir seus amigos são simples: sempre que assistir a um filme, você pode cadastrá-lo no site, numa espécie de check-in no qual você pode dar uma nota ao filme e escrever uma resenha. Assim, você cria o seu diário de filmes e pode conhecer novas obras conforme segue mais pessoas e vê o que elas estão assistindo. Cada filme tem a sua página, com toda a ficha técnica e sinopse, em inglês. Além da watchlist, é possível criar listas de temas aleatórios, como filmes de terror que você mais gosta, por exemplo.

Apesar de ter sido criada há mais de quatro anos, o site ainda não tem muitos usuários no Brasil. Um dos brasileiros mais influentes do Letterboxd é o crítico de cinema Pablo Villaça, de 41 anos, fundador e editor do site Cinema em Cena. O crítico tem mais de 1300 seguidores na rede e seu perfil mostra mais de oito mil filmes assistidos. “Às vezes, fico na dúvida se vi um filme ou não, e o Letterboxd é uma referência fácil para confirmar”, afirma Pablo, que é um dos assinantes da versão paga do site, que oferece algumas vantagens extras.

“A versão paga oferece estatísticas mais detalhadas sobre os filmes vistos ao longo do ano: quantos foram vistos pela primeira vez, quais os melhores cotados, quais diretores e atores mais frequentes nas minhas listas”, explica o crítico de cinema.

O biomédico Rafael Emídio, de 28 anos,conta que conheceu o site através de uma matéria sobre a rede social no site B9. “Costumo criar listas com filmes que pretendo assistir no futuro e procurar por resenhas. Também faço check-in sempre que vejo um novo filme”, diz Rafael.

Para Pablo, grande entusiasta do cinema nacional, o ponto negativo do site é a falta de títulos em português para o público brasileiro. Já Rafael, acredita que a rede social falha em ainda não fazer uma ponte com os serviços de streaming. “Poderia haver uma melhor integração com outras plataformas como a Netflix”, finaliza Rafael.

img_3042
Foto: Lucas Menoita

 

 

1 comentário Adicione o seu

  1. Vinícius disse:

    Uso há anos e é incrível! Quem quiser me seguir: https://letterboxd.com/viniciusduart/

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s