Mesada é incentivo para crianças

A palavra crise, nos últimos tempos, não sai da boca dos brasileiros, seja em casa, nas ruas ou no trabalho. Isso ocorre devido a situação atual do país. O aumento das taxas e tarifas são os principais causadores de medo na população. 

Esse período de dificuldades que o Brasil vem encarando, é decorrente não só de problemas internos como atual administração do país, quanto fatores externos à nós, como o aumento do dólar. O problema passa a ser ainda maior quando essa crise afeta todos os brasileiros tendo uma grande notoriedade não só pelas empresas, quanto para gastos comuns do dia-a-dia como compra de alimentos, roupas e lazer. Contas básicas de residência como água e luz foram as que sofreram um ajuste maior em 2015. Esse aumento foi decorrente a fatores climáticos como a falta d’água. Só no estado de São Paulo, por exemplo, a empresa AES Eletropaulo (empresa responsável pela distribuição de energia), postou em seu edital online, que o aumento médio de uma conta para clientes residenciais foi de 33%. 

Para se precaver e não ser pego de repente pela crise, os brasileiros vêm economizando cada vez mais dentro de casa, para que posteriormente, possam aplicar o valor guardado em um bem de consumo maior. 

“Hoje compro menos besteiras como roupas e sapatos. Vou ao mercado com lista na mão para não comprar nada em excesso nem deixar faltar. Meu objetivo é economizar para comprar uma residência”, diz Natacha Borges, analista financeira. 

Como forma de educar e conscientizar as crianças, pais costumam dar dinheiro para seus filhos para que eles gastem com coisas de seus próprios interesses. Normalmente, as chamadas mesadas, são como o primeiro salário que os pais “pagam” aos filhos mensalmente como forma de ensinar o valor do dinheiro. 

“A mesada é importante porque ajuda desde cedo a criança a valorizar o dinheiro e a gastar com responsabilidade. Em qualquer idade, a educação financeira deve estar atrelada à realização de sonhos, por isso, a mesada é essencial para que a criança consiga controlar seus gastos afim de conquistar seus desejos”, diz Manuela Castro, gestora de negócios voltados a mesada. 

Por ser uma área ampla, a gestão de finanças pessoais da grandes oportunidades para empresas que trazem soluções tecnológicas à fim, de ajudar seus clientes a controlar seus gastos. Um exemplo de tecnologia, são os cartões pré-pagos, onde o cliente carrega o valor que deseja para utilizar depois, dessa forma, ele conseguirá controlar e gerenciar os gastos. 

“O cartão mesada é uma forma de ajudar pais e filhos a lidar com educação financeira. Por meio de um aplicativo interativo, é possível transferir a mesada para o cartão do seu filho na quantia e no momento que quiser, além disso o filho consegue poupar dinheiro nas funcionalidades oferecidas pelo cartão”, comenta Manuela sobre o cartão pré-pago mesada.

Atualmente, é fácil encontrar diversos cursos gratuitos na internet que auxiliam em como construir e administrar o orçamento pessoal e/ou familiar, estabelecendo um planejamento financeiro de modo que possa definir objetivos, sempre utilizando preceitos de educação financeira.

Cofrinhos decorados para crianças / Foto: Pixabay

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s